Eu tenho um cão pastor, adulto, muito bonito e saudável. Aconselharam-me ter um cachorro, por que eu era uma mulher solitária morando na cidade grande. Morar na capital era muito ruim, e viviam me falando de ladrões e estupradores que se aproveitavam de mulheres assim como eu, bonita e com 22 anos.

Comprei o cão e logo fiquei muito íntima dele. O criara desde pequeno, dava banho dentro de casa, acariciava e mimava, e ele se tornou um ótimo companheiro.

Um dia, assistindo a um filme pornô, e me masturbando freneticamente em frente à televisão, quando meu cachorro entrou. Neste momento gozei, e como sempre, babei muito suco no tapete.

Meu cão foi diretamente pra o meu suco, e lambeu, e tão logo fez isso, seu membro despontou pra fora da pele. Farejou o ar e tão logo farejou minha buceta. Sua língua caiu em cima da minha virilha e começou a lamber o restante do meu suco que faltava. Maravilhei-me com aquela língua quente, seu pau vermelho pulsante e logo gozei em seguida, e ele tornou a lamber.

Tombei no sofá e nem se importava mais com o filme pornô que passava, abri ao máximo minhas pernas, deixando minha xoxota tão escancarada, que passaria um pepino nela (alias, às vezes passava).

Meu cão entendeu a idéia, e subiu em mim. Com a perna escancarada, suas patas tocaram meu abdome, me arranhando toda. Seu pau afundou na minha xoxota e ele começou um movimento rápido, tão rápido que ardia. Foi fundo, um pênis duro e grande, e quando vi o nó havia se enganchado em mim. A dor era imensa. Mesmo acostumada com um pepino (pequeno, não exagerem), o nó me detonou de vez. Algo foi rasgado na minha vagina. Um filete de sangue escorreu. Meu cachorro ganiu e acelerou os movimentos. Comecei a chorar. A dor aumentou. O nó inchou mais. Um músculo vaginal se distendeu. Comecei a sentir prazer.Sexo. Fiquei presa.. A dor começou a ficar insuportável

De repente, a dor na minha buceta começou a ficar enorme, e comecei a gritar por ajuda, pra ver se alguém me separava daquele nó. Meu cão já havia gozado muitas vezes, e sentia um caldo borbulhando no útero de tanta porra que havia lá. A dor… então desmaiei.

Acordei um tempo depois, nua, jogada ao chão. Meu cachorrinho jazia ao meu lado, dormindo. Escorrendo pelas minhas pernas havia sangue seco e esperma. Havia muito esperma, muito mesmo. Não sei o que aconteceu. Acho que meu cão continuou a me foder até cansar e desistir. Minha buceta estava aberta, o sangue que escorreu deve ser de algum músculo rompido. Não conseguia me por em pé, tudo por dentro doía. Chorei, chorei muito. Arrastei-me até a caixa de remédios pra tomar um analgésico.

A dor continuou por uns três ou quatro dias. Não conseguia sentar direito, e sentia ardor na urina. Consultei um médico, com a desculpa que sofri um estupro. Ele disse que fui muito judiada, mas o pior já havia passado. Me receitou uns remédios, e pediu abstinência de atividade sexual por um tempo.

Segui a risca essas recomendações, mas não resistia a uma siririca de vez em quando. Meu cão, vinha e lambia meu suco que escorria abundante sempre que eu me masturbava.

Não resisti: em pouco tempo eu e meu cão estávamos transando novamente – e desta vez, eu agüento o nó dele facilmente…

6 respostas para “Não aguentei e trepei com meu cão”

  1. Atenção isso é só pra quem interessar . Eu crio e adestro cachorros para pratica de zoofilia (SEXO ENTRE CACHORROS E MULHERES) já iniciamos varias mulheres e temos muitas referencias e experiencia no assunto tudo com local e sigilo absoluto se precisar posso esta mostrando ele ao vivo pra comprovar. (NAO ACEITO HOMENS VIADOS GAYS) as interfessadas podem chamar no whatsapp que passo mas detalhes
    whatsapp (11) 9.5978-3604
    skype : cristiano.silva7730

  2. Procuro grupo de machos ativos para me enrabar sem dó de verdade. Podem me dominar e fazer TUDO que quiserem comigo, mesmo se eu pedir pra parar e precisar ser à força.

    Meu whatsapp +55 19 99481-8715.

    Tenho vídeos e fotos em
    Sou de Campinas/SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Online porn video at mobile phone


contos.pornojumento arrombando mulhercontos eroticoszoofilias caseirascontos eroticos com filhasporno incesto contosmulhere transando com cachorroconto erotico de casadacomeu o cu da mae a forçacomeu o cu da mae a forçaconto eróticapraia do pinho gaycontos eróticos de gaycontos erot icoscontos eroticos gays com fotomae do amigo nuaplus size fodendocontos eroticos pai comendo filhasexo com cachorro pequenocontos eroticos de gaycontis eroticominha cunhada e um tesaocontos eroticos com filhamulhe dando pro cachorrocontos heroticos gaycontos de exibicionismoesposa praia de nudismocontos eróticos sexoporno mulher transando com cachorrocavalo arrombando buceta de mulhera doida gosta de ostentar pirocacontos eroticos com primoscontos eroticos transcontos eroticos webzoo contoscontos eróticos gay primocontos eróticos analconto eroticos gratiscontos eroticosscontos crentescontos de sexo brutalporno touromulher transa com cachorro e fica engatadacontos eroticos de irmãoscontos de sexo com cachorroconto erótico analcachorro grudado no cu da mulherplus size fodendose um pingo de chuva fosse um pingo de bucetasexo com o padrasto gaywww.contos eróticos.com.brfudendo a enteada virgemcontos eroticos com vizinhaswww.contoseróticosmulher tranzando com animascontos eroticodnovinhas fudendo com cachorrosconto erótico dupla penetraçãocachorro cumulher fazendo xexo com cachorrocontos eroticos de novinhacontos eroticos de novinhamulher transando com varios cachorroscontos eroticos picantexvideo.com zoofiliacontos.eroticosexo com cachorro pornoconto gay virgemcontos eróticos com cachorrosxvideos.com/zoofiliaflog de sexocontos de incesto mae